Turquia Parte I: Istambul

Eleito o destino da vez. Roteiro pronto. Passagens aéreas compradas. Carro alugado. Turquia: 16 dias. Quatro mulheres e um carro.

Dinheiro: mencionei em posts anteriores que prefiro levar dinheiro a cartão, mas sempre desbloqueio o cartão de crédito para usar em caso de emergência (por conta do IOF).

A moeda da Turquia é a Lira Turca e vale LT 0,71. Cada lira hoje vale R$: 0,68. Valores atualizados em novembro de 2020.

A cotação muda muito, então sugiro trocar um pouco no aeroporto e aproveitar as casas de câmbio (vai encontrar muitas na capital) e trocar o restante a medida que for precisando e a cotação estiver melhor.

Levei dólares e teve dias que conseguimos trocar a $3,90. Agora a cotação está assim: 1(um) dólar = 8,43. Excelente cotação. 

Visto e voos: não precisamos de visto para a Turquia .

No momento a Turquia está aberta para brasileiros, as restrições de viagem – em função da pandemia – foram revogadas em junho.

A única coisa que pode acontecer com o visitante é ter sua temperatura medida na chegada ao páis. 

Vale lembrar que nossos compatriotas, portugueses, necessitam de visto.

Escolhemos o mais cômodo, saímos de São Paulo pela turkish airlines (companhia aérea) que tem um voo direto para Istambul saindo de Cumbica.

A argentina, que nos acompanhou pegou o mesmo voo em Buenos Aires, saindo algumas horas antes apenas.

A passagem aérea (um tanto salgada) custou R$4.000,00 (ida e volta). Pegamos mais dois voos internos (pela mesma Cia aérea) de Istambul para Kayseri (onde pegamos um carro que havíamos alugado no aeroporto) e outro de Izmir para Istambul.

As passagens custaram cerca de R$: 80,00 cada (os trechos internos foram baratos).

Istambul é uma cidade bonita, limpa, fácil de utilizar transporte público e quando chegamos estava vazia.

Quando retornamos (a fim de pegar o voo para São Paulo) a temporada havia começado, a cidade estava cheia, chuvosa e fria.

Nossa sorte foi chegar antes (da temporada começar) e pegar vários dias de sol e todas as atrações sem fila.

Os pontos turísticos visitados: Santa Sofia, Mesquita azul (fechada até maio de 2018 para visitas internas):

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

O charme das ruas da cidade e um por do sol de tirar o fôlego:

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Alojamento: fomos duas vezes para a capital. Na chegada ficamos na seguinte acomodação (hostel). A cama era beliche, o banheiro não tinha divisória (entre a ducha e o vaso sanitário), o quarto era muito pequeno e o hostel era barulhento.

A única coisa boa era a localização. O bairro (Taksim) é o local dos restaurantes e das baladas de Istambul. Há supermercados, mercearias e quiosques.

No quesito transporte (logo abaixo) eu explico como sair e chegar do local. Não recomendo essa acomodação, mas definitivamente recomendo o bairro.

Na volta (ficamos 2 dias em Istambul antes de embarcar para casa) fiquei no seguinte hotel (Arena).

Mudamos de bairro de propósito. A fim de sentir a cidade e ficar mais perto dos pontos históricos principais.

O hotel fica atrás da Mesquita azul, é silencioso, limpo e confortável, mais caro também. Se quiser descansar e já tiver visto tudo que há na cidade, esse é local ideal.

Transporte: compramos o bilhete único local: istanbulkart. Carregamos no SOK e nas outras vezes na própria estação do tram (metrô de superfície). Há maquinas que você coloca o bilhete, ela te dá o saldo, insere uma nota e carrega.

É auto explicativo, apesar de ser em turco, eu carreguei todas as vezes sem suar a camisa.

Pegamos tram, metrô e ônibus na cidade usando o mesmo bilhete (cartão na verdade como o nosso aqui em sampa).

No bairro inicial (Taksim) há um funicular (uma espécie de elevador) que te leva até o tram, também há estações de metrô. O istanbulkart cobre o funicular.

Segue o link com o mapa da rede da capital:mapa da rede completo.

Há um ônibus de taksim que te leva até o aeroporto (aos moldes do airport service daqui). Chama-se Havabüs.

Segue o link com os horários de partida (busão para o aeroporto): O valor da passagem é LT: 20,00.

Um transfer do aeroporto até o seu hotel (ou hostel) custa , em média 30,00 (euros), melhor pegar o ônibus ou ir de metrô (é mais demorado, mas vai sair bem mais barato).

Um táxi de Sultanahmet (o bairro que ficamos na saída) custa cerca de LT: 60,00. Se você não estiver sozinho(a) e for dividir o valor então valerá a pena.

Palácio Topikapi, Dolmabahce, Torre Gálata e museu arqueológico:

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Alimentação: eles chamam tudo de kebap ( final com “p” e não como b). Até almôndega é kebab na turquia. Coxinha de frango e outras coisas também fazem parte do kebap misto.

Quando você estiver cheio do tempero vai encontrar comida italiana. Play safe como se diz em inglês.

Pelo menos macarrão vai ter em algum lugar.

Há lojas de conveniência (como a SOK que mencionei acima) bem como mercearias.

frutas (as maçãs e as bananas são ótimas) e muita castanha ou frutas secas (que você pode pesar e comprar a quantidade que quiser).

Não faltam opções na capital da Turquia. Come-se muito bem.

Em média gastávamos LT 100,00 a 140,00 para quatro pessoas, por refeição.

No interior era muito mais barato, em Cônia (Konya em turco), por exemplo, gastamos LT 64,00 para quatro pessoas em um almoço.

Se não quiser ter trabalho conte com nosso serviço de concierge .

Fornecemos os mapas, um roteiro customizado com os valores de cada atração (e a estação de metrô e tram mais próxima), compramos a passagem aérea e reservamos a acomodação de sua preferência.

Viaje com quem entende do assunto e conhece, de fato, o destino que você deseja visitar.

Para preparar sua viagem sozinha, siga os 15 passos do Guia Essencial para Viajar por Conta Própria e não vai ter erro.

Uma viagem inesquecível espera por você após a pandemia!

Planeje com antecedência e boa jornada!

Próximo post: Capadócia.

7 comentários sobre “Turquia Parte I: Istambul

  1. Muitíssimo bem Filhota, parabéns pela descrição que fazes, a qual será certamente muito útil para quem desejar fazer uma viagem à Turquia.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s