Entre dois amores aquece o coração e transporta o telespectador para a África

Entre dois amores chegou no catálogo da Netflix.

Entre dois amores : filme na Netflix . Imagem: pixabay

Foi produzido em 1985 e é baseado na vida da escritora dinamarquesa Isak Dinesen.

O filme é uma adaptação do romance autobiográfico: A Fazenda Africana, publicado em 1937.

Dois grandes nomes estão no elenco: Robert Redford e Meryl Streep.

Precisa de mais motivos para assistir?

Utilizamos links afiliados, se você comprar por aqui recebemos uma comissão, mas isso não afeta o valor que você paga, ok?

Entre dois amores : filme na Netflix . Imagem: pixabay

Streep interpreta Karen Bixen que se casa por conveniência com o Barão Bror von Blixen-Finecke e ao longo da trama se apaixona pelo misterioso caçador Denys Finch Hatton.

Forte e independente a protagonista inicia uma produção de café numa fazenda na África, o que era para ser uma fazenda leiteira se transforma num cafezal.

O Quênia é pano de fundo para essa estória (ou história?)de amor, superação e autoconhecimento.

O filme é ganhador de vários Oscar, incluindo melhor atriz, como não poderia deixar de ser.

Karen atravessa a falência de um negócio, a solidão, animais selvagens, as dores da vida e muito mais (não vou dar mais spoiler).

Aprende com seus erros, interage – de fato – com os locais, supera preconceitos e sente empatia.

Entre dois amores : filme na Netflix . Imagem: pixabay

Antes de chegar ao catálogo da Netflix eu lembrei de uma cena do filme: quando Denys lava o cabelo de Karen. Fiz questão de assistir ao filme novamente para rever a tal cena.

Ela vai ao encontro do seu amor em uma das jornadas pelas terras selvagens do Quênia.

Quando ela chega no local de destino, ele improvisa um lavatório no meio do nada e gentilmente lava seu cabelo.

É uma cena inocente, mas extremamente erótica.

Comecei a enumerar mentalmente o que me aquece o coração.

Alguém lavar meu cabelo está em primeiro lugar.

Rabanada, massagem nas pernas, sorvete de pistache, Nina Simone cantando feeling good, preparar uma viagem nova, cheiro de café, arco-íris, chegar ao pôr do sol numa cidade desconhecida, sorriso de cumplicidade de um completo estranho, um abraço aconchegante, lareira num dia frio, a recepção do Jake todas as vezes que chego em casa e margaridas .

O que aquece seu coração? Margaridas. Fonte: pixabay

Pensei que a vida ainda trará montanhas. Vistas alucinantes. Momentos uau. Semanas de amor. Dias de neve. 

Animei-me com rotas desconhecidas e barcos sem nome. Com olhos que gemem. Mãos que conduzem uma orquestra de sensações.

Uma versão melhorada, equilibrada e sustentada do meu eu.

Lugares com cheiro de aconchego, mantas no sofá, tapetinhos coloridos que recebem os pés ao levantar da cama, lençóis bordados recém lavados, cheiro de terra molhada, mãos que roçam vagarosamente.

Uma simples cena: o cabelo de uma mulher sendo lavado no deserto. Atravessei um portal e reciclei a esperança de um novo ano. 

Filme bom é aquele que te transporta para locais inimagináveis, que tem gosto de renovação e aquece o coração.

O que aquece seu coração?

Conta nos comentários !

Se ainda não assistiu o filme, veja e depois passe aqui falando o que mais aqueceu seu coração.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s